Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

» Metodologia da Pesquisa em Comunicação

Ementa 

A disciplina recorre a bases epistemológicas, metodológicas, teóricas e práticas para a formulação e desenvolvimento de pesquisa em comunicação. Estrutura-se a partir da identificação da natureza do conhecimento científico, das características e etapas da pesquisa científica. Tem como objeto a elaboração do projeto de pesquisa: formulação de problema, definição dos objetivos, justificativa, etc. Visa ainda à análise de métodos quantitativos e qualitativos em comunicação, estudos de recepção, pressupostos teóricos e técnicas de análise de conteúdo, análise de imagem em movimento, análise de discurso, observação participante, pesquisa-ação e etnografia de mídia. 

Bibliografia

ALBARELLO, Luc et al. Práticas e métodos de investigação em ciências sociais. Tradução de Luísa Baptista. Lisboa: Gradativa, 1997.

ALVES-MAZZOTTI, Alda J. & GEWANDSZNAJDER, Fernando. O método nas ciências naturais e sociais: pesquisa quantitativa e qualitativa. São Paulo: Pioneira, 1998.

BARBIE, Earl. Métodos de pesquisa de Survey. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 1999.

BARBIER, René. A pesquisa-ação. Brasília: Líber Livro, 2002.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BARROS, Diana Luz Pessoa de. Teoria do discurso: fundamentos semióticos. 3ªed. São Paulo: Humanitas FFLCH/USP, 2002.

BAUER, M. W. & GASKELL, George (Orgs.). Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som. Petrópolis: Vozes, 2002.

CERVO A.L. & BERVIAN, P.A. Metodologia científica. 5a.ed. São Paulo: Makron Books, 2002.

DENCKER, Ada de Freitas & VIÁ, Sarah Chucid da. Pesquisa empírica em ciências humanas (com ênfase em comunicação). São Paulo: Futura, 2001.

CHIZZOTTI, Antonio. Pesquisa em ciências humanas e sociais. 5a.ed. São Paulo: Cortez, 2001.

CHAARAUDEAU, Patrick. Para uma Nova Análise do Discurso. In: CARNEIRO, Agostinho Dias (org.) o discurso da mídia. Rio, oficina do Autor, 1996.

DUARTE, Jorge; BARROS, Antonio (Orgs.). Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. São Paulo: Atlas, 2005.

FERREIRA, Marieta de Moraes; AMADO, Janaina. Usos & abusos da história oral. 5ª.ed.Rio de Janeiro: FGV,2002.

FLICK, Uwe. Uma introdução à pesquisa qualitativa. Tradução de Sandra Netz. Porto Alegre: Bookman, 2004.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 4ªed. São Paulo: Atlas, 1994.

LOPES, Maria Immacolata Vassallo de. Pesquisa em comunicação – formulação de um modelo metodológico. São Paulo: Loyola, 1990.

MAINGUENEAU, Dominique. Novas tendências em análise do discurso. Campinas: Pontes, 1997.

MARCONI, Marina de Andrade e LAKATOS, Eva M. Técnicas de pesquisa. S.Paulo: Atlas, 1996.

ORLANDI, Eni P. Discurso e texto: formulação e circulação dos sentidos. Campinas: Pontes, 2001.

PEREIRA, Júlio César R. Análise de dados qualitativos ? estratégias metodológicas. São Paulo: Edusp/Fapesp, 1999.

DUARTE, Jorge; BARROS, Antonio (Orgs.). Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. São Paulo: Atlas, 2005.

RUDIO, Franz Victor. Introdução ao projeto de pesquisa científica. 20ªed. Petrópolis: Vozes, 1996.

SÁ, Celso Ferreira de. A construção do objeto de pesquisa em representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ, 1998.

SANTALELLA, Lucia. Comunicação e Pesquisa: projetos para mestrado e doutorado. São Paulo: Hacker, 2001

THIOLLENT, Michel. Metodologia da pesquisa-ação. S.Paulo, Cortez/Autores associados,1988.

TUFTE, Thomas. Questões a serem estudadas em estudos etnográficos de mídia: mediação e hibridização cultural na vida cotidiana. In: LOPES, Maria Immacolata V.(org.) Temas contemporâneos em comunicação. São Paulo: Edicon/Intercom, 1997.

Próxima

Núcleo de Tecnologia da Informação
Universidade Federal de Mato Grosso do Sul